Pensamento de um português suave:Penso logo desisto...

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Trinta e quatro anos de Liberdade vistos do Céu...


Ao subir com asas de plumagem branca e muito leves,Manuel aprendeu a voar, embora o custo do "brevet" tenha sido muito elevado!A imagem é límpida como o som que num golpe de dedos fluía do seu violino.

Manuel partiu ,a sonhar com a liberdade do seu país.

Hoje,em seu nome, vou imaginá-lo numa janela simulada na sua nuvem ,e fazer a leitura tal como ele faria sobre a História do nosso país desde a Revolução dos cravos.

Manuel, acolhe a Libertação do seu país entre sorrisos, com uma enorme vontade de escorregar do Céu e voltar à vida terrena festejar com cravos ,a liberdade com que tanto sonhou.

Mas não era possivél. Festejou então ao som de violinos alinhados, orquestra composta por múltiplos anjos e regida pelas mãos de Jesus.

Passados que são trinta e quatro anos sobre a Revolução, Manuel com a mesma vista do Céu, olha um Portugal que gerou o caos!! Lamenta a criminalidade em todos os seus aspectos, que nasceu num Portugal livre. Lamenta os erros de percepção da liberdade.Lamenta o povo que elege aqueles em que acredita para os governar, usando estes, sómente o poder para se governarem.Lamenta a justiça que é dos ricos porque a podem comprar.Lamenta a corrupção vergonhosa que grassa entre os políticos, e lamenta sobretudo os rostos que escondem já uma enorme pobreza!!

Manuel, lamenta os cravos que viu no Abril de 1974, tão depressa transformados em...NADA!!

2 comentários:

maria paula disse...

O Manuel de que falas é quem eu estou a pensar?
Se é, só o verde dos seus olhos podem ter esperança neste país tão triste.

Xi cora

Maria Soledade disse...

Mana,claro que sim!!!

Sabia que ao leres o trabalho,irias de imediato reconhecê-lo.

Não só pelo nome, mas, pela forma abrupta como desapareceu e tão cedo nos deixou!

A primeira parte do texto,não deixa dúvidas, a quem o conheceu,tão bem como nós.

Ah, aqueles olhos tão verdes...

:-( Com licença,logo que possa eu volto...

Beijinhos*****